Quarta-Feira, 20 de Junho de 2018

24/02/2017 - 20:06:44

PORTO RICO TEM 90 DIAS PARA IMPLANTAR SISTEMA DE CONTROLE DE MEDICAMENTOS

Até a primeira quinzena de maio, a atual administração municipal de Porto Rico (Região Noroeste) deverá comprovar a adoção de um sistema efetivo e transparente para a compra e distribuição de medicamentos. O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) tomou esta decisão após acolher o apontamento feito pelo Procedimento de Acompanhamento Remoto (Proar), que observou irregularidades nos exercícios de 2014 e 2015. O ex-prefeito Paulo Prates Nogueira (gestão 2013-2016) e a então controladora interna, Gracielly Beletato, foram multados.
Ao analisar as informações de Porto Rico, o Proar verificou a ausência de controle na compra e distribuição de medicamentos no município. O Proar é uma ferramenta do TCE-PR que acompanha simultaneamente os atos de gestão dos órgãos jurisdicionados. Seu objetivo é prevenir a ocorrência ou impedir a continuidade de irregularidades.
Segundo a Coordenadoria de Fiscalização Municipal (Cofim), a falta de controle impossibilitava saber o custo, os motivos da compra e os beneficiados pelos medicamentos adquiridos pela prefeitura. Por isso, na instrução do processo de tomada de contas, a unidade técnica se posicionou pela irregularidade e a aplicação de sanções. O Ministério Público de Contas (MPC-PR) acompanhou a Cofim em seu parecer.
Ao fundamentar seu voto, o relator do processo, conselheiro Nestor Baptista, apontou que a falta de fiscalização traz um “severo risco” ao cofre do município. Ele seguiu a Cofim e o MPC-PR e aplicou multa de 40 vezes o valor da Unidade Padrão Fiscal do Paraná (UPF-PR) aos responsáveis. Em fevereiro, o valor da UPF-PR foi reajustado para R$ 95,25. Então, se paga neste mês, cada multa soma R$ R$ 3.810,00. A penalidade está prevista no artigo 87, inciso IV, da Lei Orgânica do TCE-PR – Lei Complementar Estadual nº 113/2005.
O relator determinou, ainda, o prazo de 90 dias, a partir da publicação do acórdão, para que a atual administração de Porto Rico, do prefeito Evaristo Volpato (gestão 2017-2020), comprove a adoção de sistema efetivo e transparente de controle de medicamentos.

mostrar

24/02/2017 - 20:06:16

PLANO DE MOBILIDADE URBANA: EXIGÊNCIA E NECESSIDADE URGENTE

Além de uma exigência legal, o Plano de Mobilidade Urbana que começa a ser elaborado pela prefeitura de Paranavaí é, principalmente, uma necessidade urgente para um trânsito cada mais vez mais confuso e inchado de veículos, em determinadas áreas da cidade. Quem tem familiares e amigos de outras cidades que nos visitam já devem ter ouvido mais de uma vez as dificuldades de se dirigir em Paranavaí. A falta de planejamento inicial criou um plano viário que dificulta a tão almejada mobilidade urbana e, sem dúvida, é uma tarefa para técnicos na montagem do projeto e muita discussão com a comunidade antes de bater o martelo. O prefeito Delegado KIQ, em campanha, prometeu acabar com os radares móveis, mas irá renovar o contrato existente até que o Plano de Mobilidade Urbana fique pronto e conste o fim dos radares móveis. O prefeito curvou-se aos números que mostram que a imprudência dos motoristas é um dos principais motivos de acidentes de trânsito na cidade. A Ditran (Diretoria de Trânsito) afirma que o radar móvel vai atuar nos locais com maior incidência de acidentes. Tomara! Já que antes os locais escolhidos eram aqueles em que as pessoas costumavam dar uma pisada a mais no acelerador e poucos registros de acidentes e de difícil visualização.

mostrar
1


24/02/2017 - 20:05:33

PROCESSO SELETIVO DE TUTOR PRESENCIAL: INSCRIÇÕES ABERTAS

Estão abertas as inscrições do processo seletivo para contratação de tutor presencial (1 vaga) para o Polo de Apoio Presencial de Paranavaí, na modalidade de Educação a Distância da Universidade Estadual de Maringá, desenvolvido em convênio com o Ministério da Educação.
As inscrições vão até às 23h do dia 2 de março e devem ser feitas exclusivamente via internet, pelo site www.nead.uem.br. O cronograma do processo seletivo, bem como os requisitos mínimos para participar do processo, também está disponível no site.
Para efetuar sua inscrição o candidato deve certificar-se de que atende aos requisitos estabelecidos para a função, como ter formação em Letras com habilitação em língua inglesa, ou com habilitação dupla (Português/Inglês), ou ainda ser graduado em Letras (outras habilitações) com pós-graduação ou cursos avançados em áreas da língua inglesa.
A carga horária semanal que deverá ser dedicada ao curso é de 20 horas, sendo que no mínimo 16 horas semanais devem ser cumpridas no Polo de Apoio Presencial. A remuneração por esta atividade será feita em forma de bolsa de fomento, no valor de R$ 765,00 pela carga horária de 20 horas semanais.
Mais informações podem ser obtidas através do telefone (44) 3902-1207 com a coordenadora do Polo UAB de Paranavaí, Josefa Bezerra Obana.

mostrar

24/02/2017 - 20:04:35

QUASE METADE NÃO VOTA EM LULA, DIZ PARANÁ PESQUISAS

Levantamento o instituto Paraná Pesquisas divulgado nesta quinta-feira, 23, revela que o ex-presidente Lula (PT) tem rejeição de 45,7% dos entrevistados entre os possíveis candidatos para Presidente do Brasil em 2018. O senador Aécio Neves (PSDB) aparece em seguida, com 25% e, logo atrás está o atual presidente da República, Michel Temer (PMDB), com 24,4% de rejeição. As informações são do Diário do Poder.
Confira a lista completa:
Lula (PT): 45,7%
Aécio Neves (PSDB-MG): 25%
Michel Temer (PMDB): 24,4%
Jair Bolsonaro (PSC-RJ): 17,9%
Marina Silva (Rede): 12,3%
Roberto Justus: 9,9%
Geraldo Alckmin (PSDB-SP): 9,9%
Ciro Gomes (PDT-CE): 9% 
Joaquim Barbosa: 7,3%
Foram entrevistados 2.020 eleitores, em 146 cidades de 26 Estados e Distrito Federal entre os dias 12 e 15 de fevereiro de 2017. A margem de erro é de 2% o grau de confiança de 95%.

mostrar
1


23/02/2017 - 19:07:47

A CHANCE DE TERUO KATO DEPENDE DE ROCHA LOURES

Antes mesmo do deputado federal paranaense Osmar Serraglio ser confirmado como o novo Ministro da Justiça, já se falava em Paranavaí da possibilidade do segundo suplente Teruo Kato assumir a vaga. Mas isto depende da vontade de Rodrigo Rocha Loures, hoje assessor especial do presidente Michel Temer. Caso ele opte por permanecer no cargo, deve assumir e depois se licenciar. Escolhendo voltar para a Câmara Federal, Rocha Loures adia a chance de Teruo Kato assumir em Brasília. Nas eleições municipais do ano passado, Teruo era franco favorito nas pesquisas, mas preferiu cuidar dos negócios da família, depois de oito anos de mandato como deputado estadual.

mostrar

23/02/2017 - 19:07:21

NOTIFICAÇÃO DA DENGUE E FISCALIZAÇÃO DE OBRAS: MEDIDAS NECESSÁRIAS E ANTIPÁTICAS

A Prefeitura de Paranavaí anunciou nesta semana a intensificação na fiscalização de obras que estão sendo realizadas na cidade, bem como a notificação das residências com reincidência em registrar focos do mosquito transmissor da dengue, duas medidas mais do que necessárias, mas certamente antipáticas para as pessoas atingidas. No país do jeitinho, as penalidades aplicadas, principalmente pela prefeitura, órgão mais próximo do cidadão, costumam ter maior repercussão e uma certa resistência. O discurso legalista do prefeito Delegado KIQ está sendo colocado em prática, resta saber qual será a reação da população.

mostrar

23/02/2017 - 19:06:51

PREFEITO KIQ CORRENDO ATRÁS

Com menos de dois meses de administração, o prefeito Delegado KIQ não pode ser acusado de uma coisa: ficar sentado em seu gabinete vendo o tempo passar. Já foram várias viagens a Curitiba e duas a Brasília, na busca de recursos para implantar os projetos que prometeu durante a campanha. Em momentos de turbulência na política nacional, os resultados das viagens ainda não podem ser mensurados, mas mostram a disposição de buscar todas as alternativas. Mas quem acompanha a administração pública sabe que logo as cobranças começarão a aparecer e a lua de mel acaba.

mostrar

23/02/2017 - 19:06:22

WALTER DOS REIS: NEGATIVA DE CONVITE E CURRÍCULO À DISPOSIÇÃO

Cotado pelo Blog do Taturana como possível novo integrante da equipe do prefeito Delegado KIQ, o ex-vereador e servidor federal do INSS, Walter dos Reis, fez questão de negar que tenha havido qualquer tipo de convite nesse sentido. Mas não se fez de rogado e tratou de apresentar seu currículo profissional e, de passagem, lembrar que em breve irá se aposentar, estando assim mais do que à disposição para o caso de surgir um convite.

mostrar

23/02/2017 - 19:05:56

E AS URNAS DO SINDOSCOM?

E uma pergunta que os comerciários e boa parte da população de Paranavaí está a se fazer: onde foram parar as urnas com os votos da eleição para a diretoria do Sindoscom? Sabemos que o caso está sendo apurado pela Polícia Civil, mas até agora nenhuma notícia sobre o paradeiro dos votos que a oposição suspeita terem sido adulterados. O cumprimento do mandado de busca e apreensão nasede do Sindicato não deu em nada e fica por isso mesmo?

mostrar

23/02/2017 - 19:04:41

P.A. TERÁ ATENDIMENTO NORMAL DURANTE O CARNAVAL

Muita gente está contando os dias para aproveitar o feriado prolongado de Carnaval e poder descansar, festejar com os amigos e se divertir. Mas e se acontecer alguma emergência de saúde? A Secretaria de Saúde já planejou uma escala para atendimento ininterrupto de 24 horas no Pronto Atendimento Municipal. Mas é importante lembrar: a prioridade de atendimento é para casos de urgência e emergência.
“Uma equipe integrada por funcionários e profissionais capacitados para bem acolher a população, atenderá todas as ocorrências de urgência e emergência no PA, desde a noite de sexta-feira até a metade do dia de quarta-feira. Claro que este atendimento já ocorre normalmente, mas neste período de recesso prolongado em que as UBS (Unidades Básicas de Saúde) estarão fechadas, amarramos bem a escala para garantir o atendimento necessário à população”, explica a secretária de Saúde do município, Andréia Vilar.
Para um período prolongado de recesso como o do Carnaval, o número de atendimentos é bastante elevado. Em 2016, nos quatro plantões de 24 horas (de sábado até terça-feira), 1.019 pacientes procuraram atendimento médico no PA, uma média de 254 pessoas por dia (considerando como dia um plantão de 24 horas).
“Como o trabalho é sempre intenso, há um revezamento de funcionários e profissionais da saúde trabalhando em escalas de 12h por 36h. Esta escala vale para as equipes de enfermagem, administrativo (incluindo a recepção), serviços gerais, ambulâncias e segurança. Nestes períodos, a Secretaria de Saúde se prepara para dar todo suporte necessário às equipes de trabalho, inclusive com alimentação”, frisa Andréia.
Mas a diretora do PA, Simone Cristina Baggio, lembra que a prioridade de atendimento continua sendo para os casos de urgência e emergência. “O PA tem atendimento de livre demanda, mas por ser uma unidade de urgência e emergência, a prioridade é sempre para estes casos. Por isso, pedimos que a população exercite o uso consciente dos serviços do PA”, ressalta.

mostrar

Fale com o Praxedes