Quinta-Feira, 18 de Janeiro de 2018

25/09/2017 - 17:10:28

ACIAP LANÇA NOVO SITE

A Associação Comercial e Empresarial de Paranavaí (ACIAP) colocou no ar nesta segunda o seu novo site, que está mais moderno, funcional, interativo e apresenta os novos serviços que são oferecidos pela entidade. “A nova plataforma é muito mais intuitiva e dinâmica. Agregou todos os novos serviços e soluções empresariais da Associação”, diz o gerente da ACIAP, Carlos Henrique (Kaká) Scarabelli.
Uma das principais novidades é o chat on line, através do qual é possível fazer o atendimento e interação com o associado em tempo real no próprio site. “O atendimento online facilitará muito a comunicação do associado com a entidade. Em tempo real ele pode tirar dúvidas e até solicitar pedidos, evitando o uso do telefone”.
INSCRIÇÃO ON LINE – O novo site da ACIAP traz ainda outra novidade. Nele está disponível o calendário de eventos, cursos, treinamentos e aperfeiçoamentos promovidos pelo Pronto de Atendimento ao Empreendedor. Mais que isso: além de conferir a programação de cursos deste ano, será possível fazer a inscrição on line no próprio site.
Kaká Scarabelli esclarece que o site conta ainda com o cardápio de todos os serviços e/ou soluções empresariais que a entidade oferece. No novo site também está disponível o calendário comercial estabelecido na última convenção e um guia empresarial com informações de todos os associados da entidade. O endereço eletrônico continua o mesmo: www.aciapparanavai.com.br

mostrar

25/09/2017 - 17:09:56

ÓTIMA NOTÍCIA

O Procon (Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Paranavaí constatou que cortes irregulares de energia elétrica foram realizados entre dezembro de 2016 e maio deste ano. No total, 596 casas foram prejudicadas pela ação da empresa.
Conforme a Lei Estadual 14.040 de 2003, os cortes de energia elétricas não podem ser
realizados às sextas, sábados, domingos, feriados e dias úteis que antecedam feriados.
Nesta sexta-feira, dia 22, a Dra. Josiane Pavelski Borges, Juíza da 1ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Paranavaí, concedeu decisão “liminar” que determina que a distribuidora de energia “se abstenha de promover corte de energia elétrica nas unidades de consumidores residentes no Município de Paranavaí, por falta de pagamento, às sextas, sábados, domingos, feriados e no último dia útil anterior a feriado”.
Assim, o Município de Paranavaí conseguiu que a empresa seja impedida de promover
cortes de energia elétrica nas datas citadas. Conforme a decisão, os casos que tiverem constatadas irregularidades serão multados no valor de R$ 5 mil, conforme decisão expedida pela Juíza.
NB: Ótima iniciativa do Procon, principalmente em tempos bicudos de nossa economia. Por sinal, o coordenador do órgão tem conseguido imprimir um bom ritmo de trabalho e obtido resultados que beneficiam o consumidor de Paranavaí.

mostrar

25/09/2017 - 17:08:59

ÚLTIMOS DIAS PARA INSCRIÇÃO NOS MESTRADOS PROFISSIONAIS DA UNESPAR

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar) continua com as inscrições abertas dos processos que vão selecionar os estudantes das novas turmas dos programas de mestrados profissionais. Para participar é necessário atentar-se aos editais publicados pelas coordenações. No total, serão selecionados 22 estudantes que iniciarão as atividades em 2018.
ProfHistória
Até quinta-feira (28) é possível efetuar a inscrição do Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória) exclusivamente em www.fecilcam.br/profhistoria. O curso, ofertado no campus de Campo Mourão, está disponibilizando 12 vagas para graduados em cursos de licenciatura que atuam na disciplina de História em escolas públicas ou privadas da rede básica de ensino.
Para a seleção, os inscritos terão uma prova escrita, no dia 22 de outubro, com questões objetivas e discursivas. O resultado final será divulgado em 30 de novembro e as matrículas ocorrerão em 08 de dezembro.

mostrar

25/09/2017 - 17:08:24

ÚLTIMA SEMANA PARA ENTREGA DE DECLARAÇÃO DO ITR-2017

Termina na próxima sexta-feira, dia 29, o prazo para a entrega da Declaração do Imposto Territorial Rural deste ano (ITR-2017). O alerta é do Sindicato Rural de Paranavaí que ainda tem 20% dos associados que não compareceram à entidade para fazer a declaração.
O secretário-executivo do Sindicato, Dênis Gimenez, lembra que nos últimos anos a Receita Federal não tem ampliado o prazo para a entrega do ITR. “Com as novas tecnologias, a Receita tem conseguido processar todas as declarações entregues no tempo hábil e por isso não há mais dilação de prazo”, diz ele.
O Sindicato presta o serviço de fazer a declaração aos seus associados gratuitamente. Para isso, o produtor deve levar à entidade a declaração do ano anterior, informar se houve ou não alterações de cultura na propriedade, área de reflorestamento e reservas existente, a quantidade de animais de grande porte para áreas acima de 200 hectares no Paraná e outras alterações significativas na propriedade em relação a 2016.
A declaração é obrigatória mesmo para os proprietários que são isentos do pagamento. E o proprietário rural que não o fizer até sexta-feira próxima terá restrição do CPF, impossibilitando certidões negativas de débitos e, consequentemente, impedindo o acesso a créditos, mesmo os financiamentos rurais que são destinados a ele.Não bastasse isso, para regularizar a situação o proprietário rural pagará multa e o valor do imposto será corrigido com juros e multas.

mostrar

21/09/2017 - 18:28:04

PINTURA HORIZONTAL: PRESENÇA NOTADA

A SECOM informou que uma equipe composta pelo Procurador do Município, Benjamim Marçal Costa, o Secretário de Trânsito, Heron Radke, o engenheiro de trânsito, Cássio Peron, e o diretor de compras, Enio Caetano, foram até algumas ruas fiscalizar os serviços de sinalização viária executados nas últimas semanas em Paranavaí. Alvo de questionamentos pelo Ministério Público e Observatório Social, a falta de qualidade do serviço em alguns pontos foi admitida pela administração, que garante que a empresa terá que refazer o trabalho. Curiosa é a presença de Enio Caetano, que era cooordenador do Observatório até assumir o cargo de diretor de compras da prefeitura. De fiscalizador ferrenho virou fiscalizado.

mostrar

21/09/2017 - 18:17:21

ACP: BARONE APRESENTA CARTA DE DESISTÊNCIA

A situação do ACP se complica a cada dia. Ontem, o vereador Lucas Barone apresentou à atual diretoria uma carta em que desiste de ser candidato a presidente do clube. Não é para menos, já que o contrato com o empresário André Astorga continua valendo e não foi apresentada a prestação de contas. Neste quadro, Barone e seu grupo de apoio fizeram o que era esperado e desistiram da empreitada sem ter autonomia para gerir o Atlético.

mostrar

21/09/2017 - 18:16:54

NO DIA DA ÁRVORE, PLANTIO EM ESCOLA É CANCELADO

Na tarde de ontem, o ex-prefeito Rogério Lorenzetti enviou pelas redes sociais um convite para que hoje de manhã as pessoas participassem do plantio de árvores na Escola Deusdete Neto. Horas mais tarde, informou que o evento tinha sido cancelado por "motivos alheios à sua vontade". O blog apurou que o cancelamento partiu da prefeitura, mesmo com as mudas tendo sido compradas com recursos privados. Hoje, dia da Árvore, a Secom informou que o prefeito KIQ fez o plantio de mudas de ipê na praça do Teatro Municipal. Não se sabe o motivo do cancelamento do plantio na escola.

mostrar

20/09/2017 - 18:59:24

CÂMARA DE PARANAVAÍ: HONRARIA DR. ALDO SILVA

Os vereadores de Paranavaí parecem não se importar com a frequente crítica de que destinam muito tempo a darem nomes de vias públicas e prestarem homenagens e dessa vez se superaram. Os nobres edis resolveram criar a Medalha de Honraria que leva o nome do primeiro presidente da Casa Aldo Silva destinada a homenagear os servidores da Câmara Municipal. Tal iniciativa certamente irá gerar muitas críticas. Cabe lembrar que o Legislativo já tem em seu rol de homenagens a Moção de Aplauso, títulos de Cidadania (honorária e benemérita) e a Medalha José Vaz de Carvalho. Esta última criada depois que os títulos de cidadania ficaram restritos a um por vereador a cada legislatura.

mostrar

20/09/2017 - 18:31:09

MACACOS DO BOSQUE: PREFEITO KIQ IRONIZA

Uma postagem nas redes sociais falando do que seria o abandono dos macacos que vivem no Bosque Municipal, inclusive com a morte de um deles, fez com que o prefeito de Paranavaí, Delegado KIQ fosse até o bosque para ver a situação. Segundo a SECOM,  ao prefeito foi apresentado o trabalho que está sendo feito no local, incluindo a alimentação dos animais ali existentes. Na sua página no Facebook, KIQ fez questão de ironizar a polêmica:
"Próximo filme "PLANETA DOS MACACOS" vai ser dirigido por uma comissão de Paranavaí. Segundo dados do Green Peace, Paranavaí reúne a maior quantidade de especialistas nessa espécie animal por metro quadrado do mundo".

mostrar

20/09/2017 - 18:30:29

CÂMARA REJEITA DISTRITÃO E DISTRITÃO MISTO

Depois de meses de discussões e polêmicas, o plenário da Câmara dos Deputados rejeitou por ampla margem na noite desta terça-feira (19) a proposta de mudança do atual sistema de eleição dos deputados e vereadores, um dos pilares da atual reforma política. Foram apenas 205 votos a favor e 238 contra. Por se tratar de uma emenda à Constituição, era preciso o apoio de pelo menos 308 dos 513 parlamentares. As informações são de Ranier Bragon na Folha de S. Paulo.
O resultado reforça a tendência de que o Congresso, que já discutia uma reforma superficial e criticada por vários especialistas, não aprove nenhuma alteração no sistema eleitoral.
A PEC pretendia alterar o atual modelo, o "proporcional", para o "distritão" em 2018 e 2020 e, a partir de 2022, o distrital-misto.
No atual sistema (proporcional), as cadeiras são distribuídas com base em um cálculo que considera todos os votos dados aos candidatos do partido ou coligação. Com isso, é comum o eleitor votar em uma sigla e ajudar a eleger candidatos de outras, eventualmente coligadas.
No "distritão", são eleitos os mais votados. Os votos dados aos não eleitos e aqueles dados em excesso aos eleitos são desprezados. Não existe voto em legenda.
Já o distrital misto reserva metade das cadeiras para os mais votado em cada distrito (o Estado -ou cidade, no caso da eleição para vereadores- é dividido em distritos) e a outra metade para o sistema proporcional (votação em lista fechada de candidatos elaborada pelos partidos).
A Câmara já havia rejeitado o "distritão" em 2015, mas fez nova tentativa sob o argumento de que o modelo barateia as campanhas. Em 2015, o Supremo Tribunal Federal proibiu que empresas, até então as principais fontes de financiamento dos políticos, continuassem a fazer doações às campanhas.
O plenário tentou votar ainda nesta terça outro capítulo da reforma política, a que acaba com as coligações irrestritas para a eleição do Legislativo e cria regras para barrar legendas com baixíssimo desempenho nas urnas.
Mas não houve entendimento e nova tentativa ficou para esta quarta (20). Vários deputados afirmaram, porém, que não há acordo e que nada deve ser aprovado. Outra das propostas que pode ir a voto é o que cria um novo fundo público para financiamento das campanhas políticas. Para valer nas eleições de 2018, qualquer alteração tem que ser aprovada até o início de outubro.

mostrar

Fale com o Praxedes